Sindfazenda participa de Lançamento da Frente do Serviço Público

Sindfazenda participa de Lançamento da Frente do Serviço Público

COMPARTILHAR

por Grace Maciel
O Sindicato Nacional dos Servidores Administrativo do Ministério da Fazenda-SINDFAZENDA,  participou nesta quarta-feira, 23, do relançamento da Frente Parlamentar Mista do Serviço Público, no Auditório Nereu Ramos, na Câmara dos Deputados, na Capital Federal. O evento contou com a presença de parlamentares, dirigentes sindicais representantes de servidores públicos nas três esferas de governo e Poder.

O objetivo é barrar projetos que aniquilam o arcabouço de leis de proteção ao servidor público.


A diretora de Administração e Finanças do Sindfazenda, Jecirema Alves Carvalho, participou do Lançamento da Frente para essa Legislatura, juntamente com a filiada do DF, Íris Miranda. Na ocasião, a dirigente concedeu entrevista à equipe de imprensa da organização do evento.

Para Jecirema, a Frente é um forte instrumento em defesa do serviço público e do servidor: “ É onde podemos nos manifestar e repudiar os tratamentos recebidos dos gestores quando dizem que os servidores públicos são um “câncer” para a Administração e para os estados. Enquanto os servidores públicos não acordarem e levantarem a cabeça, continuaremos sendo taxados de inúteis. É preciso ações constantes no combate a esse estereótipo que querem nos impor”. Destacou a líder sindical.

 

A Frente Paramentar Mista do Serviço Público foi instalada em 2007, relançada na Legislatura passada e teve hoje a sua nova instalação. A iniciativa conta com o apoio do senador Paulo Paim (PT-RS), da Senadora Zenaide Maia (PROS-RN), e da deputada Alice Portugal ( PCdoB-BA), assim como de parlamentares de diversos partidos e entidades representativas de servidores públicos.

Diante da grande ofensiva contra o serviço público e seus servidores, atualiza seus pontos principais de atuação na defesa dos que trabalham no serviço público, assim como de um serviço público de qualidade em atenção às necessidades da população usuária, quer na esfera federal, como nos estados e municípios. No Congresso Nacional, a luta será através do combate ao conjunto de normas e projetos que prejudiquem tanto os servidores, quanto os que dependem dos serviços prestados pelas instituições públicas e discutirá a apresentação de propostas que contemplem os objetivos e as necessidades dos servidores e da sociedade com um serviço público digno e de qualidade.

Breve histórico:

A Frente Parlamentar Mista do Serviço Público teve seu início em 2007, sob a presidência do então deputado Rodrigo Rollemberg (PSB/DF), desde seu lançamento atuou na defesa dos direitos e garantias dos servidores públicos.
Relançada em 13 de setembro de 2016 sob a coordenação do senador Paulo Paim (PT-RS) e da deputada Alice Portugal (PCdoB-BA).

Imprensa/SINDFAZENDA