Coronavírus: SINDFAZENDA solicita medidas de proteção imediatas para Pecfaz

Coronavírus: SINDFAZENDA solicita medidas de proteção imediatas para Pecfaz

COMPARTILHAR

Luis Roberto da Silva (Presidente do Sindfazenda)

por Grace Maciel
O presidente do Sindicato Nacional dos Servidores Administrativos do Ministério da Fazenda -SINDFAZENDA, Luis Roberto da Silva, preocupado com a saúde dos servidores integrantes do Plano Especial de Cargos – PECFAZ, solicitou a todos os gestores locais do Ministério da Economia (via e-mail), medidas necessárias para a proteção da categoria, tendo em vista a pandemia declarada pela OMS causada pelo novo coronavírus.
Em nome do SINDFAZENDA, Luis pediu que, em relação aos servidores que executam atividades que envolvam atendimento ao público, para que essas atividades sejam suspensas até o fim da atual situação. Para os demais servidores que seja colocada em prática imediatamente o contido na IN n.º 21/2020 – ME. E enviou o anexo ofício n°. 003/2020, protocolado ao Ministro da Economia, que solicita o cumprimento das medidas solicitadas.
“ Entendemos que esse é um momento em que todos os gestores devem adotar medidas que não somente protegem seus servidores, mas que contribuam para o estancamento da atual crise de saúde pública. Não podemos contribuir, seja por ação ou omissão,  com a tragédia anunciada nas milhares de famílias dos servidores PECFAZ”. Destacou o presidente que deixou claro que de forma amigável dá para resolver a situação sem a necessidade de acionar a Justiça.
“ Nosso sindicato conta com a presteza nas providências de medidas cabíveis e aguarda o retorno com a brevidade que o caso requer”. Finalizou o líder sindical.
Imprensa/SINDFAZENDA
COMPARTILHAR