PECFAZ Sérgio Lúcio, 65, vence a covid-19

PECFAZ Sérgio Lúcio, 65, vence a covid-19

COMPARTILHAR

por Grace Maciel

O servidor do Plano Especial de Cargos do Ministério da Fazenda- Pecfaz, Sérgio Lúcio (65), teve alta na manhã desta quarta-feira (27), após passar 6 dias internado no Hospital Primavera, em Aracaju-SE, ao ser diagnosticado portador do novo coronavírus. Sérgio é um “grande” exemplo de superação e força, pois faz parte do grupo de risco pela idade e por ser portador de doenças “graves” que, em tese, “diminuiriam” suas chances de sobreviver à covid-19.

O gaúcho residente em Aracaju há mais de 40 anos, ingressou no serviço público nos anos 80 e apesar de ter tempo para se aposentar continua na ativa; ultimamente está afastado da Receita Federal do Brasil- RFB, para tratar um câncer, com radioterapia e quimioterapia; ele também tem diabetes, é hipertenso e cardíaco, ou seja, tudo que contribui para risco de morte ao contrair essa enfermidade ainda sem tratamento que comprove a cura.

O Pecfaz chegou ao Primavera com muita falta de ar, apenas 25% da capacidade de seu pulmão, e foi prontamente atendido pela equipe do hospital particular, conveniado pelo Geap, que fez os procedimentos adequados e colocaram o respirador (oxigênio com a capacidade máxima), na unidade de tratamento para portadores da Covid-19.

Sérgio tem três filhas e, recentemente, três dias antes de ser testado positivo para a covid-19, ganhou a sua primeira “netinha”. Terá sido este um grande estímulo para o vovô de primeira viagem vencer essa “ terrível” e ainda misteriosa doença?

Bom, essa questão envolve ciência e fé, o fato concreto é que apesar de ter todos os pré-requisitos contra ele, Sérgio Lúcio saiu vitorioso e deixa um grande exemplo de superação, que nem tudo está perdido, independentemente do contexto.

Veja o momento em que ele deixa o hospital:

A presidente do Sindicato Nacional dos Servidores Administrativos do Ministério da Fazenda- Sindfazenda, Neire Luiz, em nome de todos que compõem o sindicato, parabeniza Lúcio pela garra como enfrentou a doença, assim como a todos os profissionais de saúde que contribuíram com sua recuperação: “Que Deus te abençoe, Colega, e esses anjos da saúde que cuidaram de você e a todos da linha de frente que estão se expondo e expondo suas famílias. Que você tenha muitos anos de vida para desfrutar da sua família e da sua neta. Parabéns!”.

Faça como Sérgio, lute! Vale a pena.

Use máscara, lave as mãos com sabão e água e quando não tiver use álcool em gel.

Lembre-se: isso tudo vai passar!

Imprensa/SINDFAZENDA

 

COMPARTILHAR