O Sindicato Nacional dos Servidores Administrativos do Ministério da Fazenda- SINDFAZENDA, participa da Semana Nacional de Promoção da Negociação Coletiva em comemoração à ratificação pelo Brasil da Convenção nº 98 da Organização Internacional do Trabalho (OIT), que trata sobre o direito de Sindicalização e de Negociação Coletiva.


O evento conta com debates, palestras, workshops e eventos, para tratar das negociações coletivas nas relações de trabalho. Além disso, trata da importância de fortalecer o diálogo entre as organizações legítimas de empregadores e trabalhadores. Iniciativas que estimulam a negociação coletiva, por meio da composição bilateral, também ganham espaço de divulgação e debate.

No primeiro dia de debates, segunda- feira (27), representaram o sindicato, a secretaria- geral, Neire Luiz, e a diretora parlamentar, Irismar Miranda. Neste segundo dia ( terça, 28), Irismar representou a entidade durante a programação:

9h – Painel sobre a “Experiência Internacional de Negociação Coletiva”
11h – Painel sobre o “Pacto Nacional para o Trabalho Decente na Agricultura e as Negociações Coletivas”



Além da realização das atividades em Brasília, o evento também está sendo realizado nas Superintendências Regionais do Trabalho e Emprego nos estados de Minas Gerais, Espírito Santo, Bahia e Maranhão, onde são realizadas diversas ações e discussões visando destacar a importância das negociações coletivas nas relações de trabalho.


O surgimento das negociações coletivas no Brasil remete ao início do século XX. Nesse período, o país estava experimentando transformações significativas em sua estrutura social e econômica. O processo de industrialização estava em curso e as condições de trabalho eram frequentemente desafiadoras, com jornadas exaustivas, ausência de regulamentações e escassos direitos trabalhistas.


Imprensa/Sindfazenda com informações do Ministério do Trabalho e Emprego @mintrabalhoeemprego